Search
sexta-feira 5 março 2021
  • :
  • :

10ª Semana do Tempo Comum – Segunda-feira

Primeira Leitura: 1 Reis 17,1-6

Leitura do primeiro livro dos Reis – Naqueles dias, o profeta Elias, tesbita de Tesbi de Galaad, disse a Acab: “Pela vida do Senhor, o Deus de Israel, a quem sirvo, não haverá nestes anos nem orvalho nem chuva, senão quando eu disser!” E a palavra do Senhor foi dirigida a Elias nestes termos: “Parte daqui e toma a direção do oriente. Vai esconder-te junto à torrente de Carit, que está defronte ao Jordão. Lá beberás da torrente. E eu ordenei aos corvos que te deem alimento”. Elias partiu e fez como o Senhor lhe tinha ordenado, e foi morar junto à torrente de Carit, que está defronte ao Jordão. Os corvos traziam-lhe pão e carne, tanto de manhã como de tarde, e ele bebia da torrente. – Palavra do Senhor.

Salmo Responsorial: (121/120)

Do Senhor é que me vem o meu socorro, / do Senhor que fez o céu e fez a terra!

1. Eu levanto os meus olhos para os montes: / de onde pode vir o meu socorro? / “Do Senhor é que me vem o meu socorro, / do Senhor que fez o céu e fez a terra!” – R.

2. Ele não deixa tropeçarem os meus pés, / e não dorme quem te guarda e te vigia. / Oh, não! Ele não dorme nem cochila, / aquele que é o guarda de Israel! – R.

3. O Senhor é o teu guarda, o teu vigia, / é uma sombra protetora à tua direita. / Não vai ferir-te o sol durante o dia, / nem a lua através de toda a noite. – R.

4. O Senhor te guardará de todo o mal, / ele mesmo vai cuidar da tua vida! / Deus te guarda na partida e na chegada. / Ele te guarda desde agora e para sempre! – R.

Evangelho: Mateus 5,1-12

Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus – Naquele tempo, vendo Jesus as multidões, subiu ao monte e sentou-se. Os discípulos aproximaram-se, e Jesus começou a ensiná-los: “Bem-aventurados os pobres em espírito, porque deles é o reino dos céus. Bem-aventurados os aflitos, porque serão consolados. Bem-aventurados os mansos, porque possuirão a terra. Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados. Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia. Bem-aventurados os puros de coração, porque verão a Deus. Bem-aventurados os que promovem a paz, porque serão chamados filhos de Deus. Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus. Bem-aventurados sois vós quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo tipo de mal contra vós por causa de mim. Alegrai-vos e exultai, porque será grande a vossa recompensa nos céus. Do mesmo modo perseguiram os profetas que vieram antes de vós”. – Palavra da salvação.

Reflexão:

Montanhas são lugares santos em que Deus se manifesta. Vale aqui lembrar as várias vezes que Moisés sobe ao Sinai para receber as tábuas da Lei (cf. Ex 24,12ss). Estar sentado é posição de quem ensina, ou dos que exercem poder e governam. Com atitude solene, Jesus apresenta ao mundo (gerações presentes e futuras) as linhas mestras do seu Reino, que se apoia na Justiça. O exercício da Justiça é que deverá transformar as situações opressoras da sociedade. Esse processo transformador começou com Jesus, tem continuidade por meio dos cristãos e se concluirá no fim dos tempos, quando “Deus será tudo em todos” (cf. 1Cor 15,28). Os pobres “no Espírito” já estão nesse caminho. A primeira bem-aventurança é a locomotiva que puxa os outros vagões.




Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *