Search
sexta-feira 22 fevereiro 2019
  • :
  • :

Crianças de todo o mundo enviaram 16 milhões de euros para evangelização

O Diretor das Pontifícias Obras Missionárias (POM), Pe. José María Calderón, e o Prefeito Apostólico do Saara Ocidental, Pe. Mario León Dorado, pertencente à ordem dos Oblatos de Maria Imaculada, apresentaram em Madri (Espanha) a Jornada da Infância Missionária que acontecerá no domingo, 27 de janeiro, com o tema “Com Jesus, para Belém. Que boa notícia!”.

Conforme explicado pela POM, a Jornada da Infância Missionária é “uma obra do Papa que promove a ajuda recíproca entre as crianças do mundo”. Neste trabalho, as crianças se exercitam como pequenos missionários e, por sua humildade, criatividade e simplicidade, são protagonistas da evangelização.

Em 2017, este evento arrecadou 16 milhões em todo o mundo, a Espanha contribuiu com cerca de três milhões do total, que foi para mais de 2.600 projetos com foco em crianças e sua evangelização nos países de missão.

Como explicou Pe. Calderón, diretor da POM, este dia pretende “acompanhar as crianças, ajudá-las a terem consciência do trabalho que os missionários fazem”.

Pe. Mario León, prefeito apostólico do Saara Ocidental, que participou da apresentação desta Jornada, explicou que em sua região não há praticamente nenhum cristão, por isso, “os 8 mil dólares que recebemos todos os anos da Infância Missionária” são destinados para as crianças muçulmanas.

Com esse dinheiro fornecido pela POM Espanha e com o apoio de outras jornadas e entidades, promovem projetos de ajuda para que os jovens não abandonem os estudos, atendimento aos migrantes e a manutenção da Associação Dajla para deficientes.

Esta associação é, segundo Pe. León, “um projeto belo e único na região”. Ele nasceu graças a Mohamed Fabel Semlali, um muçulmano que teve poliomielite na infância e foi cuidado pelos Irmãos de São João de Deus.

Consciente das sérias necessidades de seu povo, anos depois fundou um centro para cuidar de crianças deficientes na região do Saara Ocidental.

Graças à ajuda da Infância Missionária, 60 crianças podem ser atendidas na Associação Dajla para deficientes e também ajudaram na formação profissional de um fisioterapeuta para atender os pequenos.

Via ACI Digital




Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *