Search
sábado 16 dezembro 2017
  • :
  • :

Conselhos Missionários Regionais fortalecem sentido missionário da Igreja

No Mês das Missões é importante destacar o trabalho dos Conselhos Missionários Regionais (Comires), valioso serviço prestado à Igreja no Brasil. Todo esse trabalho só é possível com a ajuda de voluntários que realizam o serviço missionário seja em regiões brasileiras ou atuando em outros países como na África e no Haiti.

Para articular e realizar as tarefas de animação, formação, informação, organização e cooperação missionária em todos os níveis da Igreja, cada regional da CNBB possui um Conselho Missionário Regional (Comire). É através deles que as diversas ações são realizadas.

Para os missionários que chegam do exterior é oferecido, em Brasília, duas vezes ao ano, um curso de iniciação à missão no Brasil oferecido pelo Centro de Formação Intercultural (Cenfi) com organização do Centro Cultural Missionário (CCM).

Os missionários, enviados por congregações ou dioceses, aprenderem ao longo dos três meses de curso quatro propostas integradas. São elas: ensino sistemático da língua portuguesa; estágio nas casas de família; introdução à sociedade e à Igreja no Brasil; e uma adaptação à vida no Brasil através de relações fraternas.

E essa formação se reflete no trabalho missionário dos regionais da CNBB. É nos Comires que os missionários vão atuar em diversas frentes. Com a participação de jovens, adolescentes, assessores da Infância e Adolescência Missionária e membros das Famílias Missionárias, de Goiás e Distrito Federal, o Comire do Regional Centro Oeste realizou, em Caldas Novas (GO), no mês de julho, o Encontro de Animação Missionária (EAM), que teve como tema: “Vem! Calça as sandálias e assume a missão”.

Em agosto, missionários paranaenses da Missão Católica Beato Paulo VI participaram do “Curso de Integração Missionária”, em Quebo, Guiné-Bissau.  Esse curso foi promovido pelas duas dioceses que existem na Guiné-Bissau: Bafatá e Bissau e oferece formação aos novos missionários, proporciona-lhe integração entre eles e ensinar a língua crioula, falada pela maioria do povo guineense.

E não para por aí. Além dos Comires, também existe o Conselho Missionário de Seminaristas (Comise), iniciativa animada pela Pontifícia União Missionária para colaborar na formação e animação missionária nos seminários e casas de formação religiosa.

No início de outubro, os seminaristas do Regional Norte 3 da CNBB (Tocantins) realizaram a primeira reunião de articulação e implantação do Comise no regional que será apresentado oficialmente aos seminaristas em celebração festiva no dia 23 de outubro.

“Animados e impulsionados por esse acontecimento, demos mais um passo importante em nossa formação. Queremos com a força de Deus, caminhar à configuração plena com seu Filho Jesus Cristo, sumo e eterno sacerdote. Que neste mês sejamos impulsionados pela missão”, afirma o seminarista Antunes Gomes.

Por CNBB




Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *